15.12.07

Pastéis de Belém em mau estado?




"Indigestão nos Pastéis de Belém"
Onde anda a ASAE, que não vê isto? Hã?



7 comentários:

bordadagua disse...

Quando não se joga à Porto o resultado é o que se vê.
E vão 10 pontos de diferença à 13ª jornada!...

Marco António disse...

Pastéis de Belém em mau estado?

Muito longe disso! Os Pastéis de Belém, abençoados por Jesus, estão em excelente estado e recomendam-se!

O que estará, porventura, mal são os “estômagos” de alguns menos habituados àquelas verdadeiras "iguarias" que de quando em vez vão apanhando pela frente e das quais se ressentem por algum tempo; estou em crer que a “ressaca” se irá manter até final da época 2007/2008 já que quanto ao título, viste-lo…

MouTal disse...

O "bordadágua" perdeu uma rica ocasião para estar calado...é que o Porto, em casa, e a jogar à Porto...não ganhou aos "pasteis"...
Daqui a pouco vai começar o "bailinho da Madeira"...vamos a ver quem o dança melhor...e quem tem perna de pau.

bordadagua disse...

Amigo Moutal
Adorei o seu comentário.
Foi muito oportuno...como sempre.

Deixai passar esta linda brincadeira..que a gentinha vai "bailhar"...o bailinho da Madeira.


Feliz Natal.

alentejodive disse...

O Bailinho da Madeira trouxe um Bom Natal aos contenentais.

pedro oliveira disse...

«Deixai passar
Esta nossa brincadeira
Que a gente vamos bailar
O bailinho da Madeira


A Madeira é um jardim
Embalado ao som do mar
Tem prados cheios de relva
E ribeiras a cantar


Eu venho de lá tão longe
Venho sempre à beira mar
Trago aqui estas couvinhas
P'rá amanhã o seu jantar



A Madeira é um jardim
No Mundo não há igual
Seus encantos não têm fim
É filha de Portugal


Eu venho de lá tão longe
E de correr venho cansado
Vejo aqui tanta gente
Fico um pouco envergonhado


Portugal é um jardim
Plantado à beira mar
Mas a Madeira é mais linda
É mais linda e não tem par


Minha terra é a Madeira
Ouvindo-se o som do mar
No fim de cada ladeira
Há ribeiras a cantar»

Pronto o bailinho da Madeira já está dançado, assim os apitos (dourados e avermelhados) deixassem seguir a dança noutros campos, eh, eh, eh.

MouTal disse...

Tamanho foi o susto...