18.11.07

Onde é que está a magia do Natal?



O problema e só meu ou vocês também acham desajustada esta tão grande antecipação do Natal? É que ainda falta mais de um mês e já as montras e as estantes das lojas nos querem fazer crer que o Natal está mesmo mesmo a rebentar.

Isso e aqueles mamarrachos estilo pimba das árvores de metal gigantes a imitar sei lá o quê. Ainda bem que não temos disso por cá.


No Natal, o que eu gosto mesmo é do Pai Natal. Mas esse, como se sabe, só virá mais tarde. Fico à espera. Pronto.



8 comentários:

bordadagua disse...

Cá o Bordadagua vai pedir este ano ao Menino Jesus que de aos deficientes melhores acessibilidades em Vendas Novas.

Eu explico:
- rebaixamento do lancil dos passeios nas passadeiras - "zebras "-das nossas ruas;

-rebaixamento do lancil no passeio da Rua Salgueiro Maia de modo a ter acesso com uma cadeira de rodas, para o jardim lado Nascente- zona mais proxima do café " A Ilha ".

Fiz o teste com um familiar numa cadeira de rodas neste fim de semana e resolvemos ir ver o lago, mas tive que entrar pelo lado Poente do jardim-boas acessibilidades-.

E já agora se o Menino Jesus oferecesse um pouquito de alcatrão para se colocar no arruamento que dá acesso ao café " A Ilha "...dava jeito porque o piso existente não favorece as cadeiras de rodas nem os carrinhos de bébé.

É tempo de Natal e eu ainda acredito em milagres!....

Boas Festas do Bordadagua.

Marco António disse...

66 FALSAS CHAMADAS, MÉDIA DIÁRIA, PARA O 112

Começaria por pedir desculpa ao autor deste “post”, por coincidência o responsável máximo pelo Blog AL, pela utilização, a despropósito, deste espaço; dada a pertinência, e a gravidade, do assunto e no sentido deste meu comentário poder vir a ter alguma visibilidade, entendi que esta seria a forma mais expedita de o fazer chegar aos fiéis leitores do AL.

O assunto, como o título indica, tem a ver com as chamadas telefónicas para o 112, particularmente as falsas urgências, e as implicações que daí decorrem relativamente às dezenas de ambulâncias do INEM que, diariamente, vão para a rua para acudir a coisíssima nenhuma e, apenas, para divertimento de alguns energúmenos.

Segundo a informação agora disponibilizada, a média diária é de 66 falsas chamadas, correspondendo a uma saída média diária de 25 ambulâncias para acorrer a situações de falsas urgências: são 9.000 saídas ano!

Obviamente que uma coisa não desculpa a outra, mas se nos lembrarmos de que há bem pouco tempo se diziam, ou insinuavam, o que muitas vezes é pior, “cobras e lagartos” dos funcionários e responsáveis do INEM por uma ambulância ter aparecido em Vendas Novas quando se deveria ter dirigido para Torres Novas, o que não dizer destas centenas, ou milhares, de “rapazinhos” que não tendo mais nada que fazer, se vão divertindo a brincar com o trabalho dos outros e, bem pior do que isso, fazendo perigar algumas vidas humanas.

Se no primeiro caso, mais do que a punição dos faltosos, seria justo reivindicar o apuramento dos factos ocorridos no sentido de evitar situações futuras, no segundo caso exige-se, tanto quanto possível, a identificação dos prevaricadores e a sua pesada punição de forma a que não sejam tentados a repetir semelhante “brincadeira” e o seu castigo, exemplar, possa vir a funcionar como medida dissuasora para potenciais prevaricadores.

PS - Apresento as minhas sentidas desculpas ao Pai Natal pela minha intolerância e irritabilidade, tendo presente a quadra festiva que se aproxima, mas creio que Ele me compreenderá e acabará, generosamente, por me conceder o seu perdão…

cacikelocal disse...

Tás perdoado.

Ass: Pai Natal

bordadagua disse...

Ah é verdade...a proposito do rebaixamento dos passeios nas passadeiras.

A passadeira junto à Farmácia Nova foi pintada mesmo, mesmo na direcção das sargetas o que deve inviabilizar o pedido que fiz ao Menino Jesus....será mais fácil pintar a "zebra" noutro local.

Engenheiros!.......

Boas festas natalícias e cuidado com o o temporal.

MouTal disse...

Magia?
Qual magia?
O Natal é comércio.

alentejodive disse...

Lá está você. Até parece que hoje não está virado para o lado bom...

Comércio? Não senhor, nada disso. Natal é magia, comércio é outra coisa. Ou não. Sei lá ... tchiii.

Marco António disse...

Obrigada Pai Natal cacikelocal é o quê? por me teres perduado!
Deixas-me dizer-te que estou muita contente por teres-me perdoado mas espero quisso não sirva de desculpas pra não me dares as prendas que te pedi na carta que te escrevi a semana passada, e eu osso dizer ca vida tá má e co natal vai ser mais pobre mas eu tenho portado-me bem estudo muito português e vou ter um cinco ca profeçora já me disse e tu vás-me dar o queu te pedi não te esqueças.
A deus ate dia 24 á noite tras o saco xeio de brinquedos pramim!!!

J.. disse...

Concordo plenamente.... cada vez mais o natal nos aparece mais cedo... e este anos ainda por cima com o calor que se tem feito parece tudo menos época natalicia... mas o Natal é quando o homem quer, não é?!?
Um abraço.